UMA FLOR E UM SORRISO
Autor: Euclides Cavaco
Intérprete: João Balças

 


Uma flor e um sorriso
São trilhos do Paraíso
Como dádiva Divina
Que acendem nas nossas vidas
Emoções enternecidas
Que as orna e ilumina.

Quando nasce uma flor
Adita ao mundo mais cor
E nesse instante preciso
Como enigma e alegria
Faz nascer em sintonia
Em cada boca um sorriso.

Será que uma flor sente 
Ou terá alma de gente
Sem nunca se revelar
E que em silêncio exprime
Seu dote assaz sublime
Para o sorriso inspirar.

Flor imagem da beleza
Sorriso e subtileza
Que nos fascina e transcende
Com seu mistério e essência
Dão à vida a transparência
Que a ela tanto nos prende !...

Euclides Cavaco