Tributo a Amália



Partiu a Diva do fado
Portugal ficou de luto
Este poema lhe rende
O mais merecido tributo.

Ficou triste um povo inteiro
Pelo mundo em qualquer lado
Ao despedir-se de Amália
Que deixou mais pobre o fado.

Os portugueses p'lo mundo
Choraram sua partida
Numa sentida homenagem
De adeus a Amália querida.

Amália levou ao mundo
O nome de Portugal
Cantando por toda a parte
A Canção Nacional...

Foi mulher e foi Rainha
Fadista de grande fama
Navegando o mar do fado
Arrojada como o Gama.

Mas os génios nunca morrem
Por seu mérito e grandeza
Amália viverá sempre
Na memória portuguesa !…

 

Euclides Cavaco