Ao Manuel Carvalho



Há amigos e há...AMIGOS !...
E muito mais conhecidos.
Dos que em suma conhecemos,
São raros os escolhidos.

Um destes raros amigos,
Digo a verdade e não falho,
É o Senhor da SATÚRNIA,
O Manuel Carvalho.

Desde cedo colocou,
A Satúrnia ao meu dispor,
Onde expõe os meus trabalhos
Com elegância e primor.

Nesta leve cortesia,
Eu quero por gentileza,
Enaltecer seu empenho,
Na cultura portuguesa.

Satúrnia, é a voz da história,
A falar dos pioneiros,
Que vindos de Portugal,
Aqui foram os primeiros.

Quero exaltar nestes versos,
Exposta como um painel,
A homenagem devida,
Ao meu amigo Manuel!...


Autor: Euclides Cavaco