1/22

Colinas de Lisboa
Autor: Euclides Cavaco
Intérprete: Michel Costa



Refrão
Postais de Lisboa
São Tejo e Canoa 
São mil aguarelas
Postais de Lisboa
Bairros, Madragoa
De estreitas vielas
Postais de Lisboa
P'las mãos de Malhoa
Mosaico pintado
Postais de Lisboa
Guitarra que entoa
Acordes de fado...

Queria ser como a gaivota
Que de manhã sobrevoa
Toda feliz e sem rota
Toda feliz e sem rota
As colinas de lisboa...

Queria ser como a varina
Que a sua venda apregoa
Sempre lesta e libertina
Sempre lesta e libertina
Pelos bairros de Lisboa...

Refrão

Queria ser como um ardina
Cuja voz bem cedo ecoa
A imprensa matutina
A imprensa matutina
Pelas ruas de Lisboa...

Queria ser o Cristo Rei
Que lá do alto abençoa
Como patrono da grei 
Como patrono da grei
O ceu da nossa Lisboa!...

Euclides Cavaco